top of page

3 atitudes para eliminar da sua vida





São três ações que você deve tirar completamente da sua rotina para se sentir mais feliz e ter mais realização em casa e no trabalho.

 

Essas 3 atitudes estão presentes em todos os pilares da nossa vida, seja profissional ou pessoal. Essas atitudes também fazem parte da vida de quem está empreendendo, de quem está iniciando carreira nova ou de quem está visando uma promoção na empresa. 

E como eu sei disso? Eu já tive essas três atitudes em vários momentos da minha vida e, se eu tivesse consciência e conhecimento sobre elas eu teria evitado muito sofrimento.

Aqui na Vai Dar Tudo Certo! nós testamos o conhecimento que compartilhamos, vou deixar para você as 3 atitudes e também como se livrar delas (como tenho feito há alguns anos!).

 

Autocrítica.

Ou a famosa e temida Síndrome da Impostora.

Eu já me peguei em vários momentos pensando:

  • “Quem sou eu para conseguir essa promoção?”

  • “Quem sou eu para ser convidada para esse novo cargo?”

  • “Quem sou eu para estar empreendendo e ajudar pessoas a tomar decisões nas suas vidas?”

 

Não foi fácil e nem rápido eliminar esses pensamentos da minha mente quando recebia convite ou proposta de trabalho, mas comecei a treinar e acreditar. Sou alguém que quer ajudar, alguém que lê muito e, por isso, tem muito conhecimento. Sou alguém que tem opções de escolha para oferecer às pessoas que procuram a minha ajuda.

Eu posso não ter todas as respostas, acredito que ninguém tenha, mas eu sou uma boa opção de conhecimento, ferramentas e livros.

Eu sou alguém que quer ajudar, que quer crescer e está disposta a aprender mais e isso me coloca a frente de quem está acomodado ou sem vontade de fazer.

Pensando assim, eu consegui deixar a Impostora em casa e comecei a seguir meu caminho sem ela.

E, esse pensamento é o que eu sugiro que você tenha a partir de agora. Se você quer mudar e quer se sentir melhor, comece por você mesma e todos à sua volta vão se beneficiar.

 

Medo das críticas.

Mas, não das suas. Críticas de terceiros.

Vários estudos comprovam que quando somos criticadas de forma negativa na frente de outras pessoas o nosso cérebro é ativado nas mesmas áreas onde sentimos dor física. Ou seja, ser criticada dói, dói de verdade.

Nós não temos como não sentir essa dor, ela é biológica. Porém, temos a opção de ignorar, de deixar para lá e só responder à crítica se valer muito a pena.

Nenhum trabalho, produto ou serviço vai ter 100% de aprovação. Quando aprendi isso, passei a ter consciência de para quem e com quem trabalhar eu deixei quem não está seguindo o mesmo caminho que eu seguir o seu caminho. Aprendi a sorrir e deixar essa pessoa ir sem mágoas.

Tentar agradar a todos é a melhor forma de fracassar, de perder a sua essência e de entregar algo que não tem nenhum diferencial. Afinal, o nosso diferencial é, justamente, agradar uns e desagradar outros.

 

Desculpas.

Encontrar motivos que não são reais para justificar o que você deveria ou não queria ter feito.

No fundo a gente sabe quando está fazendo isso, sabe que não ajuda em nada quem ouve e, muito menos, quem fala.

Antes de aceitar um convite ou uma proposta, analise se é uma boa opção. Ficará mais fácil negar o convite e não se julgar por usar qualquer desculpa.

Agora, se você já aceitou o convite ou a proposta e não conseguiu cumprir, peça desculpas, agradeça e ofereça uma outra alternativa.

Quando temos essa clareza na vida, tudo ganha outra proporção, uma sensação melhor do que dar uma desculpa.

 

Para resumir, a partir de agora, você vai:

  • Deixar a Impostora em casa,

  • Deixar de ouvir críticas que não contribuem em nada,

  • Deixar de usar desculpas.

 

Comece hoje mesmo e depois me conta como você se sentiu? Vou adorar saber!

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page